Google revela falha do IE e Edge após Microsoft adiar Patch Tuesday


 

Informática - 28/02/2017 - 12:23:10

 

Google revela falha do IE e Edge após Microsoft adiar Patch Tuesday

 

Da Redação com IDGNow

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Equipe de segurança da divisão Project Zero revelou problema com navegadores para Windows após Microsoft perder o prazo para solucionar caso

Equipe de segurança da divisão Project Zero revelou problema com navegadores para Windows após Microsoft perder o prazo para solucionar caso


A equipe do Project Zero, do Google, revelou uma potencial vulnerabilidade de execução arbitrária de código no Internet Explorer porque a Microsoft não agiu dentro do prazo de 90 dias para revelação do Google.

Essa é a segunda falha em produtos da Microsoft que foi tornada pública pelo Google Project Zero desde que a empresa de Redmond decidiu pular o Patch Tuesday de fevereiro e adiou os updates de segurança previstos para a última semana apenas para março.

A Microsoft culpou um “problema de última hora” para ter tomado essa decisão polêmica e sem precedentes, mas não revelou exatamente qual a natureza do problema em questão.

Algumas pessoas especularam que o problema poderia estar relacionado à infraestrutura do Windows Update e não com uma correção em particular, mas a Microsoft soltou nesta semana uma atualização de segurança para o Flash Player, o que sugere que, caso houvesse um problema de infra, agora já está resolvido.

A recém-revelada vulnerabilidade é uma falha que afeta o Microsoft Edge e o Internet Explorer e poderia permitir que criminosos executassem códigos arbitrários remotamente.

“Não há nenhuma exploit disponível, mas uma prova de conceito demonstrando o problema”, afirmou o diretor de pesquisas de inteligente de vulnerabilidades da Risk Based Security, Carsten Eiram. “Essa prova de conceito pode fornecer um bom ponto de partida para qualquer que quiser desenvolver uma exploit funcional. O Google Project Zero até inclui alguns comentários sobre como possivelmente alcançar a execução de código.”

Os pesquisadores da Risk Based Security confirmaram a vulnerabilidade para o IE11 em um sistema Windows 10 com patches atualizados e deram uma classificação de 6.8 para a ameaça, tratando seu impacto como execução potencial de código.

Em 14 de fevereiro, após a Microsoft anunciar a decisão de adiar os patches de fevereiro, o Google revelou uma vulnerabilidade de revelaçnao de memória na biblioteca GDI, do Windows.

Vale notar que, no momento, há três vulnerabilidades de dia zero nos produtos da Microsoft que a empresa deveria ter solucionado com a Patch Tuesday prevista para o último dia 14 de fevereiro.

 



;

Links
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Câmara aprova decreto de intervenção no Rio de Janeiro


Vereadores petistas querem indenização da prefeitura de São Bernardo


MTST realiza discursos políticos contra reforma da Previdência em São Bernardo


MTST descumpre acordo e faz passeata em São Bernardo


Temer convoca Exército para intervir na segurança do Rio de Janeiro


Justiça manda Corinthians e Odebrecht devolverem R$ 400 milhões para a Caixa