} .materia strong { color: #FFF; }


 

Economia - 16/03/2017 - 16:47:58

 

Grupos que vão administrar aeroportos brasileiros já operam em diversos países

Grupos que vão administrar aeroportos brasileiros já operam em diversos países

 

Da Redação com Abr

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

O Aeroporto Internacional de Salvador será administrado pela Vinci Airports, operadora aeroportuária francesa que administra 35 aeroportos em seis paíse (Japão, Portugal, Camboja, República Dominicana, Chile e França)

O Aeroporto Internacional de Salvador será administrado pela Vinci Airports, operadora aeroportuária francesa que administra 35 aeroportos em seis paíse (Japão, Portugal, Camboja, República Dominicana, Chile e França)


Os grupos estrangeiros que vão operar os quatro aeroportos leiloados hoje (16) já têm experiência na administração de outros terminais em diversos países. A expertise na operação aeroportuária era uma das exigências do edital de licitação para a concessão dos aeroportos de Porto Alegre, Fortaleza, Salvador, Florianópolis.

Os investimentos previstos para os quatro aeroportos são da ordem de R$ 6,613 bilhões. As empresas terão que investir na ampliação dos terminais de passageiros (exceto Florianópolis, que terá um novo terminal), dos pátios das aeronaves e das pistas de pouso e decolagem. Também estão previstos aumento do número de pontes de embarque e dos estacionamentos de veículos.

Porto Alegre e Fortaleza

A empresa alemã Fraport, que será a administradora dos aeroportos de Porto Alegre e Fortaleza, atualmente opera seis aeroportos na Europa, entre eles o aeroporto de Frankfurt, considerado um dos mais modernos do mundo, além dos terminais de Hannover, também na Alemanha, outros dois na Bulgária, um na Rússia e outro na Eslovênia. A Fraport, que no ano passado registrou movimentação de mais de 150 milhões de passageiros, também opera três aeroportos na Ásia e um na América Latina (Peru).

O presidente-executivo da Fraport, Stefan Shulte, disse que a empresa está empenhada em desenvolver os dois aeroportos para o benefício do Brasil. “Vamos rapidamente implementar processos e serviços melhorados, bem como ofertas atraentes de alimentação e bebidas”, disse Shulte, em nota no site da empresa.

O aeroporto de Porto Alegre foi arrematado por R$ 290,5 milhões, com ágio de 852,12%, e o de Fortaleza foi leiloado por R$ 425 milhões, com ágio de 18,5%.

Salvador e Florianópolis

O Aeroporto Internacional de Salvador será administrado pela Vinci Airports, operadora aeroportuária francesa que administra 35 aeroportos em seis paíse (Japão, Portugal, Camboja, República Dominicana, Chile e França). No ano passado, os terminais atenderam mais de 132 milhões de passageiros. O aeroporto de Salvador foi arrematado por R$ 660,9 milhões, com ágio de 113%.

O vencedor da concessão do Aeroporto Internacional de Florianópolis (SC) foi a operadora suíça Zurich International Airport, que administra o terminal de Zurique, na Suíça, com circulação de 25 milhões de passageiros por ano. O aeroporto de Florianópolis foi licitado por R$ 83,3 milhões, ágio de 58%.

 



;

https://youtu.be/fE3tA2P7cWk

https://youtu.be/fE3tA2P7cWk

Links
http://www.vinci-airports.com
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias



Banda Malta lança a nova série de vídeos no YouTube, Spotify e Deezer hoje, dia 24 de maio


Após adiar decisão, CCJ marca nova reunião e exclui da pauta PEC das Diretas


Candidatos têm até hoje para pagar a taxa de inscrição do Enem


Operadoras de telefonia criticam proibição de franquia limitada de banda larga fixa


Nicolás Maduro assina decreto com proposta para eleger Assembleia Constituinte


Depois de muito bate-boca, relatório da reforma trabalhista é dado como lido em Comissão do Senado