Estados Unidos mandam porta-aviões para perto da Coreia do Norte


 

Internacional - 09/04/2017 - 12:49:32

 

Estados Unidos mandam porta-aviões para perto da Coreia do Norte

Estados Unidos mandam porta-aviões para perto da Coreia do Norte

 

Da Redação com EFE

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

O porta-aviões USS Carl Vinson e outros navios da Marinha foram enviados para águas próximas ao território da Coreia do Norte

O porta-aviões USS Carl Vinson e outros navios da Marinha foram enviados para águas próximas ao território da Coreia do Norte


Os Estados Unidos determinaram ontem (8) o deslocamento do porta-aviões USS Carl Vinson e de outros navios da Marinha para águas próximas ao território da Coreia do Norte.

De acordo com fontes ouvidas pela rede de televisão norte-americana CNN, o movimento é uma demonstração de força após "novas provocações" feitas pelo presidente da Coreia do Norte, Kim Jong-un, que tem coordenado testes de lançamentos de mísseis em direção ao mar.

A esquadra suspendeu um exercício na Austrália após receber uma ordem do almirante Harry Harris, chefe do Comando do Pacífico, para se deslocasse à Península Coreana, onde os militares americanos devem participar de manobras anuais de defesa comandadas pela Coreia do Sul, constantemente ameaçada pela vizinha do norte.

O envio do porta-aviões ocorre na semana em que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recebeu a visita do presidente chinês, Xi Jinping. Em uma das reuniões, ambos discutiram a necessidade de evitar "novas provocações" da Coreia do Norte.

 



;

Links
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias



Polícia Federal suspende por tempo indeterminado a emissão de passaportes


'Noite Tranquila' acaba com pancadões e elimina concentração de 1.200 pessoas


Prefeitura de São Bernardo inaugura nova sede da Procuradoria Fiscal


Helicóptero da polícia lança duas granadas contra Supremo na Venezuela


Maduro ameaça ir às armas caso haja risco de destruição da revolução bolivariana


Procuradores escolhem hoje nomes que vão compor lista tríplice para a PGR