Prefeito Orlando Morando cobra da EMAE melhorias imediatas na Balsa


 

ABCD - 19/05/2017 - 19:37:09

 

Prefeito Orlando Morando cobra da EMAE melhorias imediatas na Balsa

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Gabriel Inamine / PMSBC

 

Reunião com o EMAE

Reunião com o EMAE


O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, cobrou, nesta sexta-feira (19/05), a Emae (Empresa Metropolitana de Águas e Energia) por soluções de curto e médio prazo para melhorar a situação do transporte de veículos e passageiros pela Balsa João Basso, no Riacho Grande, que liga a região do bairro Tattetos, pela Represa Billings.

Em reunião, no gabinete do Paço, com o CEO da Emae, Luiz Carlos Ciocchii e demais integrantes da empresa paulista, ficou estabelecido que a ação imediata será pelo estudo por um aumento de mais uma balsa – duas em operação simultânea –, para desafogar a fila espera, que ocorre na Estrada do Rio Acima.

Ao final da reunião, ficou estabelecido que uma série de encontros serão realizados para cobrança de efetividade quanto a evolução das tratativas.

“Pela primeira vez abrimos a Prefeitura para ajudar nos planos que possam, de fato, melhorar a situação da travessia. Em 30 dias, ficou combinado de que eles vão trazer orçamento de uma nova balsa. E de nossa parte, orçamento de um atracadouro (estrutura para atracar barcos, balsas). O que houve no passado, é que muitos prefeitos deixavam a responsabilidade de que é um problema apenas do Estado. Entretanto, estamos dispostos a entrar com recursos para obter resultados efetivos”, comentou o chefe do Executivo.

Atualmente a quantidade de veículos a ser transportada é de 23 carros e a de pedestres, de aproximadamente 300, número insuficiente para atender o aglomerado de usuários que recorrem ao serviço. Por ano, a Emae estima que travessia transporta, aproximadamente, 2,4 milhões de pedestres e 800 mil veículos em 58 mil viagens.

“São números consideráveis e que nos chama a atenção para conseguir efetuar uma melhoria efetiva. Recebi dos dirigentes um retorno positivo para de maneira célere conseguirmos colocar em prática. Prova disso, é o cronograma de reuniões para avançarmos a pauta”, pontuou Morando.

SITUAÇÃO

Uma das condições acertadas pela Prefeitura será na fiscalização da invasão de terras que ocorre nas proximidades da Balsa. A medida foi um pedido por parte da Administração ao Emae como auxílio, o que também foi convergido.

 



;

Links
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Invasores do MTST conseguem mais 120 dias no terreno em São Bernardo


Show de Caetano aconteceu no Largo da Batata, em São Paulo, em apoio ao MTST


Clima natalino chega a São Bernardo com “Luz, Câmera, é Natal!”


Alerta contábil: notas fiscais terão nova validação em 2018


MTST ocupa Secretaria em SP por tempo indeterminado por causa da invasão em São Bernardo


Trump confirma que EUA reconhecem Jerusalém como capital de Israel