Comin cria site participativo e projeto mais votado será apresentado na Câmara de Praia Grande


 

Litoral - 29/07/2017 - 17:24:16

 

Comin cria site participativo e projeto mais votado será apresentado na Câmara de Praia Grande

 

Boca no Trombone PG .

Foto(s): Divulgação / Câmara de Praia Grande

 

Vereador Delegado Alexandre Correa Comin, PTB, de Praia Grande

Vereador Delegado Alexandre Correa Comin, PTB, de Praia Grande


O vereador e Delegado Alexandre Comin (PTB), criou um site participativo onde, a população praia-grandense, poderá enviar e discutir ideias para melhoria da cidade. O vereador informou que quer os munícipes legislando com ele em seu mandato na Câmara Municipal de Praia Grande.

Qualquer pessoa pode acessar o site e enviar sua proposta ou projeto onde a ideia mais votada será analisada quanto a viabilidade e, se aprovada, será posteriormente apresentada no plenário da Câmara, podendo virar lei.

O parlamentar garante que as ideias aprovadas e de anseio da população serão pautadas por ele, independente do tema que for.


Participe

www.vereadordelegadocomin.com.br


Alexandre Correa Comin é formado em Direito, Delegado de Polícia desde 2008, e na Delegacia de Polícia Sede do Município de Praia Grande, desenvolve importante trabalho no combate e elucidação de crimes. Segundo ele, foi o reconhecimento desse trabalho que o fez chegar à Câmara de Vereadores, contabilizando 2.339 votos nas Eleições Municipais de 2016. No Legislativo Municipal, Comin exerce um mandato independente, sem conchavos e interesse político.

Em maio, Comin fez duras criticas aos vereadores, que rejeitaram um projeto de sua autoria que daria poder aos próprios vereadoress em investir 1.2% (17 milhões) da arrecadação líquida do município – em prioridades na cidade como, SAÚDE E SEGURANÇA.

 



;

Links
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Câmara aprova decreto de intervenção no Rio de Janeiro


Vereadores petistas querem indenização da prefeitura de São Bernardo


MTST realiza discursos políticos contra reforma da Previdência em São Bernardo


MTST descumpre acordo e faz passeata em São Bernardo


Temer convoca Exército para intervir na segurança do Rio de Janeiro


Justiça manda Corinthians e Odebrecht devolverem R$ 400 milhões para a Caixa