Corinthians faz mais uma vítima, desta vez foi o Sport a ser derrotado em Itaquera


 

Esporte - 05/08/2017 - 23:01:44

 

Corinthians faz mais uma vítima, desta vez foi o Sport a ser derrotado em Itaquera

 

Da Redação com Gazeta Esportiva

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

O Timão passeia em campo e não sofre dificuldade para vencer a partida

O Timão passeia em campo e não sofre dificuldade para vencer a partida


O Corinthians fez, na noite deste sábado, no estádio de Itaquera, seu jogo mais tranquilo neste Campeonato Brasileiro. Invicto agora há 34 partidas, o Alvinegro não passou perto de perder a marca em nenhum momento do embate frente ao Sport, quase um espectador do bom futebol demonstrado pelo líder do torneio. Com gols marcados por Guilherme Arana, Rodriguinho (golaço) e Pedro Henrique, a equipe fez 3 a 1 sem qualquer sofrimento. Thallyson, já no fim, foi quem descontou para o time recifense.

Com o resultado, o Timão chega a 47 pontos conquistados na primeira metade da competição, melhor marca da história dos pontos corridos. e agora espera os resultados deste domingo para saber qual será sua distância para o Grêmio, segundo colocado, que entra em campo contra o Atlético-MG, às 16h (de Brasília) deste domingo, atualmente em 11 pontos. Do outro lado, o Leão tem 28 e encerra a primeira metade na briga por uma vaga na Libertadores da América do ano que vem.

Os comandados de Fábio Carille agora terão duas semanas apenas com treinamentos antes de encarar a equipe do Vitória, em duelo marcado para o dia 19, também em Itaquera, já que a partida contra a Chapecoense, que seria no próximo final de semana, foi reagendada para 23 de agosto. Já Luxemburgo e sua trupe voltam para Recife, onde recebem a Ponte Preta, no próximo domingo, às 16h (de Brasília), na Ilha do Retiro.

Corinthians cria bastante e abre o placar

O Corinthians foi o dono do jogo no primeiro tempo em Itaquera, chegando com perigo em pelo menos quatro oportunidades e só sofrendo em um escanteio cobrado pelo adversário. O domínio, que transmitiu bastante tranquilidade aos torcedores, foi tão claro que refletiu até no número de faltas cometidas pela equipe: em 45 minutos de bola rolando, nenhum corintiano cometeu qualquer infração.

O lance que inaugurou o perigo alvinegro se deu aos cinco minutos de bola rolando, quando Cássio saiu jogando com um chute longo, Romero fez excelente domínio, driblou o marcador e acionou Rodriguinho, que bateu de pé esquerdo. Bem colocado, Magrão fez a defesa. Pouco depois, porém, Fagner limpou Everton Felipe e cruzou. Maycon furou e Arana, esperto, bateu de primeira, vencendo o goleiro e abrindo o placar aos dez minutos.

A resposta rubro-negra foi rápida, com escanteio batido por Everton Felipe. A zaga corintiana não conseguiu cortar e a bola ficou quicando na pequena área até que Cássio conseguiu agarrá-la. Em outro escanteio, dessa vez pelo lado alvinegro, Balbuena subiu mais que a zaga e desviou para a primeira trave. Romero, em impedimento, complementou para o gol, mas o lance já estava parado pela arbitragem.

Depois de um início intenso, o Timão recuou um pouco suas linhas e passou a esperar mais os pernambucanos. Com dificuldade para vencer as linhas de marcação alvinegras, o Leão se safou de ver a desvantagem aumentar. Rodriguinho, em duas oportunidades, tentou o chute de esquerda e desperdiçou bons lances de Clayson e Fagner. Clayson, por sinal ,também teve boa chance, deixou Magrão no chão, mas acabou desarmado por Sander.

Rodriguinho dá show e Timão passeia

Os donos da casa voltaram para a etapa final com certa pressão por não terem transformado a sua superioridade em mais gols. O problema, porém, foi resolvido em questão de segundos. Antes de o cronômetro apontar um minuto, o Sport tentou pressionar a saída de bola, Balbuena tirou e Maycon conseguiu dar um balãozinho, ainda na intermediária defensiva. Rodriguinho pegou a bola no meio-campo, limpou um marcador e, na entrada da área, bateu de esquerda, no ângulo de Magrão. Um golaço.

O segundo gol fez com que o Sport se lançasse mais ao ataque, com Luxemburgo colocando Juninho e Anselmo no lugar dos inoperantes Osvaldo e Everton Felipe. Quem ficou numa situação melhor, no entanto, foi o Timão, que ganhou mais espaço para os seus atacantes trabalharem a bola. Jô, em duas oportunidades, quase saiu cara a cara com Magrão, mas parou em desarmes precisos do experiente Durval.

O volume de jogo foi tamanho que, antes da metade da etapa final, veio o gol definidor para a campanha história dos corintianos no primeiro turno. Após cruzamento de Arana, Magrão se esticou todo e colocou para escanteio. Na cobrança, Clayson achou Pedro Henrique, na altura da marca do pênalti, e o defensor testou firme, para baixo, vencendo Magrão e marcando pela primeira vez no Brasileiro.

Os minutos restantes serviram para Carille dar mais minutos de jogo a Pedrinho, substituindo um aplaudido Clayson, e a Camacho, que entrou no lugar de Maycon. Arana, cansado, pediu substituição e forçou a entrada de Léo Príncipe, único lateral disponível no banco. O único suplente que foi digno de nota, no entanto, foi Thallyson. Colocado por Luxemburgo no lugar de Patrick, ele acertou lindo chute, no ângulo de Cássio e fez um lindo gol para os pernambucanos.


FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 3 X 1 SPORT

Local: estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)

Data: 5 de agosto de 2017, sábado

Horário: 19h (de Brasília)

Árbitro: Wagner Reway (MT)

Assistentes: Fabio Rubinho e Marcelo Grando (ambos do MT)

Público: 41.279 pagantes

Renda: R$ 2.446.519,40

Cartões amarelos: Romero (Corinthians); Henríquez, Samuel Xavier (Sport)


Gols

CORINTHIANS: Guilherme Arana, aos dez minutos do primeiro tempo, Rodriguinho, a um minuto, e Pedro Henrique, aos 21 minutos do segundo tempo

SPORT: Thallyson, aos 38 minutos do segundo tempo


CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Arana (Léo Príncipe); Gabriel, Maycon (Camacho), Romero, Rodriguinho e Clayson (Pedrinho); Jô - Técnico: Fábio Carille

SPORT: Magrão, Samuel Xavier, Henríquez, Durval e Sander; Patrick (Thallyson), Rithely e Diego Souza; Osvaldo (Anselmo), Everton Felipe (Juninho) e André - Técnico: Vanderlei Luxemburgo

 



;

Links
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Invasores do MTST conseguem mais 120 dias no terreno em São Bernardo


Show de Caetano aconteceu no Largo da Batata, em São Paulo, em apoio ao MTST


Clima natalino chega a São Bernardo com “Luz, Câmera, é Natal!”


Alerta contábil: notas fiscais terão nova validação em 2018


MTST ocupa Secretaria em SP por tempo indeterminado por causa da invasão em São Bernardo


Trump confirma que EUA reconhecem Jerusalém como capital de Israel