PT domina 45 das 100 maiores cidades do Brasil


 

Politica - 31/12/2007 - 10:51:04

 

PT domina 45 das 100 maiores cidades do Brasil

 

Da Redação com JB Online

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 


Hoje, nos 100 maiores colégios eleitorais, o partido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva lidera 45, na companhia de aliados. Ele quer dobrar o número em outubro próximo, até porque, na maioria desses municípios - em 55 - está na oposição. Sozinho, o PT tem 23 prefeituras das 100 maiores cidades, seguido do PSDB e PDT, com 12, do PPS (nove), PSB (oito) e DEM (seis). Nas capitais, existem oito prefeituras contra quatro do PSDB, três do PMDB e PSB e duas do PPS, DEM e PTB. Segundo o secretário de organização petista, Romênio Pereira, o partido terá candidatura própria em quase todas as capitais, a partir de prévias partidárias, indicando a estratégia eleitoral a ser seguida até outubro. As exceções seriam: Aracaju (o prefeito Marcelo Deda elegeu-se governador em 2006, passando o cargo ao vice Edvaldo Nogueira, do PC do B, que vai se candidatar à reeleição); Goiânia (possível apoio a Íris Rezende, PMDB); e Manaus (provável aliança com Serafim Correia, do PSB). "As preocupações dos petistas são maiores diante da constatação de que, nas últimas eleições, o partido teve sua influência eleitoral reduzida nos municípios mais populosos", constata Cristiano Noronha, da Arko Service. Equilíbrio Em 2006, quando Lula foi reeleito com mais de 58 milhões de votos (60,83% dos votos válidos), houve maior equilíbrio entre eleitores petistas e tucanos nos grandes centros urbanos. As demais forças eleitorais também nutrem grandes ambições para o pleito municipal. Ainda de acordo com o analista da Arko Service, o PSDB pretende disputar as prefeituras de 4 mil cidades, com especial interesse nas 250 maiores. Sua meta é eleger 1.200 prefeitos, dos quais pelo menos oito nas capitais, três das quais prioritárias - São Paulo, Curitiba e Salvador. ;

Links
.
.
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Câmara aprova decreto de intervenção no Rio de Janeiro


Vereadores petistas querem indenização da prefeitura de São Bernardo


MTST realiza discursos políticos contra reforma da Previdência em São Bernardo


MTST descumpre acordo e faz passeata em São Bernardo


Temer convoca Exército para intervir na segurança do Rio de Janeiro


Justiça manda Corinthians e Odebrecht devolverem R$ 400 milhões para a Caixa