-->


 

Politica - 04/12/2018 - 22:23:22

 

Conselho de Ética arquiva representação contra deputados petistas

 

Da Redação com Agência Câmara

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Deputados petistas Paulo Pimenta (RS), Paulo Teixeira (SP) e Wadih Damous (RJ)

Deputados petistas Paulo Pimenta (RS), Paulo Teixeira (SP) e Wadih Damous (RJ)


O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados decidiu hoje (4), por unanimidade, arquivar a representação do PSL contra os deputados petistas Paulo Pimenta (RS), Paulo Teixeira (SP) e Wadih Damous (RJ).

Os parlamentares foram acusados pelo PSL de terem agido de má-fé ao apresentar, durante plantão judiciário, em julho deste ano, pedido de habeas corpuspara tentar libertar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba pela Operação Lava Jato. O habeas corpus foi inicialmente concedido, mas cassado posteriormente.

O arquivamento foi proposto no relatório do deputado Kaio Maniçoba (SD-PE). Ele considerou a representação do PSL falha por não especificar que tipo de agressão à ética teria ocorrido na ação dos parlamentares. "Não achamos nenhum fato importante que ensejasse a cassação dos deputados”, disse.

Já o deputado Sandro Alex (PSD-PR) criticou a perda de tempo com a análise da representação. "Realmente, é um processo ridículo. Foi gerado, na minha opinião, por uma questão política, de um partido contra o outro. Não tem cabimento esse processo. E nós estamos perdendo tempo aqui, deixando de avaliar processos que a população realmente acompanha no Conselho de Ética", reclamou.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias



Governo do Estado anuncia medidas para fortalecer o setor automotivo


Bolsonaro assina MP determinando que contribuição sindical deve ser cobrada por boleto


Lula volta para carceragem em Curitiba após cremação do corpo do neto


Lula acompanha velório do neto Arthur em São Bernardo


Turismo interno deve girar R$ 3,5 bilhões no estado do Rio de Janeiro


Balança comercial tem segundo melhor saldo da história para fevereiro