Ataque a maternidade foi crime de guerra russo, diz Zelensky --> --> -->


 

Internacional - 09/03/2022 - 21:55:24

 

Ataque a maternidade foi crime de guerra russo, diz Zelensky

 

Da Redação com Poder 360

Foto(s): Reprodução Live Facebook

 

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky


O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse que o bombardeio que atingiu uma maternidade hospitalar na cidade portuária de Mariupol nesta 4ª feira (9.mar.2022) é a “prova final de que está acontecendo um genocídio de ucranianos” na guerra contra a Rússia. 

Zelensky definiu o ataque como um “crime de guerra” que simbolizava “todo o mal que os ocupantes russos” levavam ao país.

“Hospital infantil? Ala de maternidade? Por que eles eram uma ameaça para a Rússia?”, questionou o chefe de Estado ucraniano em vídeo publicado em seu perfil do Facebook.

No pronunciamento, o presidente ucraniano pressionou aliados europeus a condenarem os bombardeios e citou ao menos 17 feridos identificados nos escombros.

“Europeus, vocês não poderão dizer que não viram o que está acontecendo com os ucranianos, o que está acontecendo em Mariupol”, disse Zelensky, pedindo ao bloco que pressionasse a Rússia através de novas sanções para impedi-la de “continuar esse genocídio”, afirmou.

Mariupol é uma das cidades em que Moscou vem propondo um cessar-fogo temporário para o transporte seguro de civis através de corredores humanitários, acordado pelos países na 2ª rodada de negociações em busca de uma resolução.  O mesmo vale para Kiev, Chernihiv, Sumy, e Kharkiv.

A Ucrânia, porém, acusa o país de descumprimento da medida. O ministro de Relações Exteriores ucraniano, Dmytro Kuleba, disse nesta 4ª que Moscou não permitiu a retirada de moradores em Mariupol, tornando “reféns” mais de 400 mil pessoas.

 CONTINUE LENDO... 

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias



PDT escolhe Ana Paula Matos para ser vice em chapa de Ciro Gomes


Museu promove evento para celebrar aniversário de Santos Dumont


Morre o menestrel do humor Jô Soares aos 84 anos


Rodrigo Garcia escolhe Geninho Zuliani como vice para o governo de SP e define nome para o Senado


André Janones desiste de candidatura presidencial e apoiará Lula


Câmara aprova projeto que extingue saídas temporárias de presos